Nunca desista. Nunca volte atrás. Nunca perca a fé.
Desafiando Gigantes.  (via sou-inseguro)

(via sou-inseguro)

9 months ago
23,307 notes
Às vezes o único critério importante na escolha do caminho é a resposta à pergunta: eu seria feliz ali?
- Elenita Rodrigues
9 months ago
0 notes
Uma mágoa não é motivo pra outra mágoa. Uma lágrima não é motivo pra outra lágrima. Uma dor não é motivo pra outra dor. Só o riso, o amor e o prazer merecem revanche. O resto, mais que perda de tempo… é perda de vida.
Chico Xavier  (via 7-belos)

(via 7-belos)

8 months ago
25,206 notes
Não vejo mistério em ser simples, nem loucura em ser sincero, apenas levo as coisas da maneira como gostaria que elas fossem. Apenas vivo o meu destino na esperança de que, seja lá onde este caminho der, o final vai ser sempre o melhor possível, não para mim, mas para a minha história e, independente do espetáculo ou do fracasso, das lágrimas que vão cair ou das gargalhadas que vão ecoar, no final, eu vou estar ali feliz por tudo que fiz e resignado com o próximo passo que vou dar. Acho que este é o encanto da vida.
- Clarice Lispector
9 months ago
0 notes
resgatetuafe:

“Certo dia, decidi dar-me por vencido. Renunciei ao meu trabalho, às minhas relações e à minha fé. Resolvi desistir até da minha vida. Dirigi-me ao bosque para ter uma última conversa com Deus. “Deus”, eu disse, “O Senhor poderia me dar uma boa razão para eu não entregar os pontos?”
Sua resposta me surpreendeu: “Olha em redor. Você está vendo a samambaia e o bambu?”
“Sim, estou vendo”, repondi. “Pois bem, quando eu semeei a samambaia e o bambu, cuidei deles muito bem. Não lhes deixei faltarem luz e água. A samambaia cresceu rapidamente. Seu verde bilhante cobria o solo. Porém, da semente do bambu nada saia. Apesar disso, eu não desisti. No segundo ano, a samambaia cresceu ainda mais brilhante e viçosa. E, novamente, da semente do bambu, nada apareceu. Mas, eu não desisti do bambu. No terceiro ano, no quarto, a mesma coisa. Mas, no quinto ano, um pequeno broto saiu da terra. Aparentemente, em comparação com a samambaia, era muito pequeno, até insignificante. Seis meses depois, o bambu cresceu mais de 50 metros de altura.
Ele ficara 5 anos fundando raízes. Aquelas raízes o tornaram forte e lhe deram o necessário para sobreviver. A nenhuma de minhas criaturas eu faria um  desafio que elas não pudessem superar”.   E, olhando bem no meu íntimo, disse: “Você sabia que durante todo esse tempo em que vem lutando, na verdade, eu estava criando raízes? Eu jamais desistiria do bambu. Nunca desisti de ti. Não se compare com outros. O bambu foi criado com uma finalidade diferente da samambaia, mas ambos eram necessariios para fazer do bosque um lugar bonito. Seu tempo vai chegar”, disse-me Deus.”
Muitas vezes, nós nos damos por vencidos em meio as lutas e batalhas, quando são os momentos que mais crescemos! Não se deixe vencer, mas aprofunde ainda mais as suas raízes no Senhor que Ele te sustentará!

resgatetuafe:

“Certo dia, decidi dar-me por vencido. Renunciei ao meu trabalho, às minhas relações e à minha fé. Resolvi desistir até da minha vida. Dirigi-me ao bosque para ter uma última conversa com Deus. “Deus”, eu disse, “O Senhor poderia me dar uma boa razão para eu não entregar os pontos?”

Sua resposta me surpreendeu: “Olha em redor. Você está vendo a samambaia e o bambu?”

“Sim, estou vendo”, repondi. “Pois bem, quando eu semeei a samambaia e o bambu, cuidei deles muito bem. Não lhes deixei faltarem luz e água. A samambaia cresceu rapidamente. Seu verde bilhante cobria o solo. Porém, da semente do bambu nada saia. Apesar disso, eu não desisti. No segundo ano, a samambaia cresceu ainda mais brilhante e viçosa. E, novamente, da semente do bambu, nada apareceu.
Mas, eu não desisti do bambu. No terceiro ano, no quarto, a mesma coisa. Mas, no quinto ano, um pequeno broto saiu da terra. Aparentemente, em comparação com a samambaia, era muito pequeno, até insignificante. Seis meses depois, o bambu cresceu mais de 50 metros de altura.

Ele ficara 5 anos fundando raízes. Aquelas raízes o tornaram forte e lhe deram o necessário para sobreviver. A nenhuma de minhas criaturas eu faria um  desafio que elas não pudessem superar”.   E, olhando bem no meu íntimo, disse: “Você sabia que durante todo esse tempo em que vem lutando, na verdade, eu estava criando raízes? Eu jamais desistiria do bambu. Nunca desisti de ti. Não se compare com outros. O bambu foi criado com uma finalidade diferente da samambaia, mas ambos eram necessariios para fazer do bosque um lugar bonito. Seu tempo vai chegar”, disse-me Deus.”

Muitas vezes, nós nos damos por vencidos em meio as lutas e batalhas, quando são os momentos que mais crescemos! Não se deixe vencer, mas aprofunde ainda mais as suas raízes no Senhor que Ele te sustentará!

(via a-love-that-is-worth-deactivate)

9 months ago
47 notes